Arquivo da categoria ‘Apple – Dicas e Tutoriais’

O belo visual do Mac OS X vai deixar os computadores da Apple e invadir o seu Ubuntu com este ótimo tema para Linux. Interface, ícones, fontes, Papel de parede e efeitos especiais. O pacote é o mais completo possível, tudo para uma transformação radical na aparência do seu computador.

Dentre as diversas vantagens que o Macbuntu tem com relação aos demais temas do gênero é o fato de o usuário não ter que se preocupar com configurações e outros aplicativos. Isso porque o tema já traz tudo o que é necessário para modificar cada canto do sistema operacional do pinguim. Preparado? Então, que comece a mágica!

Fontes, ícones, efeitos…

Diferente da maioria dos temas, o Macbuntu não modifica apenas os botões e cores das janelas do sistema. A transformação é radical, modificando desde a tela de login até os efeitos visuais e painéis da Área de trabalho. Confira abaixo os principais itens presentes neste pacotão de novidades.

Genie Effect

A Dock

Já que é para modificar a interface, que seja para valer. Instalando o Macbuntu, os painéis da Área de trabalho do Ubuntu são substituídos pela famosa Dock, marca registrada do sistema operacional da Apple. O legal é que o sistema para adicionar e remover um item da dock é o mesmo do Mac OS X, assim como os efeitos e ícones exibidos.

Dock com todas as opçõesBarra de menu

Embora não represente um grande impacto no visual, a Barra de menu superior do sistema passa a exercer uma tarefa diferente com a instalação do Macbuntu. Isso porque as opções exibidas nela são modificadas de acordo com o aplicativo em execução selecionado. Através dela o usuário pode executar diversas tarefas.

Ícones, fontes e ponteiro

Praticamente todos os ícones exibidos nos aplicativos são modificados para o padrão do Mac OS X. Além disso, novas fontes são instaladas aplicadas a fim de tornar a leitura e o acesso às opções mais fácil. O Macbuntu não deixou nem o ponteiro do mouse de fora, já que o cursor também ganha um novo visual.

Efeitos especiais

Certamente, o que mais chama atenção com o Macbuntu são os efeitos aplicados às janelas e opções do sistema. O chamado Genie Effect, característica do Mac OS X, marca sua presença entre as modificações promovidas no visual do Ubuntu.

Além disso, o efeito cubo também pode ser visto ao utilizar o atalho do teclado para alternar entre as janelas abertas. Para completar o time, o Expose All Windows também pode ser visto no Macbuntu.

Efeito cubo

Como instalar

Temos duas maneiras para realizar a instalação , são muito , mas muito faceis

1º Forma de instalação do tema MacUbuntu para 10.04 e 10.10

Para Ubuntu 10.04, abra o terminal (Aplicativos – Acessórios – Terminal) e digite os seguintes comandos:

Para Ubuntu 10.04
1
2
3
4
tar xzvf /tmp/Macbuntu-10.04.tar.gz -C /tmp
cd /tmp/Macbuntu-10.04/
./install.sh

Já para Ubuntu 10.10, digite:

1
2
3
4
tar xzvf /tmp/Macbuntu-10.10.tar.gz -C /tmp
cd /tmp/Macbuntu-10.10/
./install.sh

Nota: Na instalação, o aplicativo faz várias perguntas, você pode optar por modificar algumas funções ou deixar de instalar alguns aplicativos, portanto, mantenha atenção na instalação.

Para desinstalar basta:
Dica:Para desinstalar, modifique o comando

Mudar
1
./install.sh

para

1
./uninstall.sh

2º Forma de instalação do tema MacUbuntu para 10.04 e 10.10

Acesse o Link a Seguir:

Para Ubuntu 10.04 , faça o download apartir do link a seguir:

Macubuntu 10.04

Para Ubuntu 10.10

MacUbuntu 10.10

Escolha o local onde seja salvar

1 – Após o Download , vá até o local onde foi salvo , e extraia a pasta.

2 – Dentro da pasta extraida , existe um arquivo chamado install.sh , execute-o em um terminal (clicando sobre ele e selecionando para executar em um terinal)

Instalando o Macbuntu 11.04

3 – Pode ser que ele peça as permissões de root.

4 – Preste atenção nas peguntas que ele faz , e ja era , após a conclusão reinicie o pc…

5 – Para desinstalar , ao invés de executar o arquivo install.sh , use o uninstall.sh

Para ubuntu 11.04

Primeiramente , devemos iniciar o pc no ubuntu 11.04 em modo classico (ou seja sem o unity):

Iniciando Ubuntu 11.04 em modo Classico

1 – Ligue o computador com o Ubuntu 11.04;

2 – Quando aparecer a tela para fazer logon, clique no nome de seu usuário e perceba as opções que aparecem abaixo, bem na parte inferior da tela;

3 – Onde está escrito “Ubuntu desktop Edition”, modifique para “Ubuntu Classic Desktop”;

4 – Faça logon normalmente e pronto, ja estamos no ubuntu 11.04 em modo classico

Instalando MacUbuntu 11.04 :

Bem, agora que você iniciou o sistema em modo clássico, baixe o Macbuntu para seu computador, segue o link do download:

Mirror1:Macbuntu 11.04  Download

Mirror:2MacUbuntu 11.04 Download

Feito isso, vamos iniciar a instalação no passo-a-passo abaixo:

1 – Clique com o botão direito do mouse sobre o arquivo Macbuntu.tar.gz e escolha a opção “Extrair aqui“, isso fará com que apareça uma nova pasta no local onde você está extraindo o tema, chamada Macbuntu;

2 – Dê dois cliques com o mouse sobre o arquivo “install.sh” e escolha a opção “Executar em terminal“;

Instalando o Macbuntu 11.04

3 – Agora o próprio instalador do tema irá perguntar algumas coisas para você, em caso de dúvidas, pressione a tecla “Y” (YES) do seu teclado para confirmar;

4 – Em algum ponto da instalação, será necessário digitar a senha do “root” do seu Ubuntu, caso não tenha configurado ainda, siga este tutorial e atualize a senha, em seguida digite a senha para obter privilégios administrativos no seu Ubuntu.

5 – No demais, basta ir marcando a Opção “Y” (YES) e/ou pressionando “Enter”;

Nota:  Dependendo das opções escolhidas, o seu tema poderá um pouco diferente, ou poderá baixar pacotes da Internet. Tenha em mente, que a demora na instalação, dependerá da sua conexão com a Internet.

6 – Terminada a instalação, o seu computador será reiniciado, e terá a cara do Mac OS X.

MacBuntuMacBuntuMacBuntuMacBuntu - Leopard

Sistema Operacional MacUbuntu 11.04

Você podetambém , baixar a iso e instalar a versão MacUbuntu modificada , sem ter que instalar nada:

Sistema Operacional – MacUbuntu 11.04 – Iso

Gostou , divulgue sua opinião…

Vlw galera e até +.

Após um longo período de espera, nova versão do JailbreakMe já está disponível. O processo exige apenas um toque e liberta seu gadget das mãos de Steve Jobs.

Usuários de iPhone, iPad e iPod touch já podem comemorar: na madrugada de hoje (06/07) foi liberada a nova versão do JailbreakMe para todos os aparelhos da Maçã. Desenvolvido pelo hacker Comex, o exploit é muito simples de usar, fazendo com que o Cydia seja instalado no equipamento em poucos segundos.

Confira os iGadgets suportados pelo JailbreakMe:

  • iPad 1 – iOS 4.3 a 4.3.3
  • iPad 2 – 4.33
  • iPhone 3GS – 4.3 a 4.3.3
  • iPhone 4 – 4.3 a 4.3.3
  • iPod touch 3G – 4.3, 4.3.2 e 4.3.3
  • iPod touch 4.3 a 4.3.3

Com isso, você pode contar com ferramentas exclusivas para o gadget, além de diversas melhorias no sistema. Confira abaixo o passo a passo para usar o novíssimo JailbreakMe 3.0. O processo é muito simples e exige apenas acesso à internet e alguns segundos para a instalação.

Atualização

Antes de tudo, confira se o aparelho já está atualizado com a versão 4.3.3 do iOS. Caso contrário, o jailbreak não deve funcionar. Para isso, vá até o painel Ajustes > Geral > Sobre. Caso o sistema esteja com uma versão anterior, basta conectar o gadget ao iTunes e solicitar a atualização. Em seguida, você já pode começar o trabalho com o JailbreakMe.

Passo a passo

1. Abra o app do Safari e acesse o JailbreakMe.

2. Na janela do Cydia, clique em “Free” e, em seguida, “Install”

3. Pronto, seu iGadget está jailbroken.

Instantaneamente, você é redirecionado para o painel principal do aparelho. Com isso, você já passa a visualizar o Cydia, semelhante ao download de qualquer aplicativo. Após a instalação, basta abrir o app e selecionar uma das três opções entre “User”, “Hacker” ou “Developer”. Se você não tem conhecimentos avançados sobre o sistema, opte pela primeira alternativa.

Se desejar, você pode alterar seu perfil posteriormente, apenas selecionando “Settings” no menu “Manage” (iPhone e iPod) ou “Sources” (iPad). Após confirmar sua escolha, o Cydia já está pronto para ser usado!

O app conta com menu inferior, por onde você pode encontrar ajustes, além de buscar aplicativos. Em “Sections”, estão disponíveis milhares de apps e add-ons exclusivos para o sistema, todos selecionados por categorias. Já em “Search”, você pode encontrar qualquer ferramenta pelo sistema de buscas do Cydia.

Com o jailbreak as possibilidades são infinitas: além de modificar o sistema com recursos não oficiais, você pode instalar apps como o Grooveshark, que permite ouvir qualquer música da rede sem precisar de downloads.

Para começar, o próprio Comex sugere que usuários instalem o tweak PDF Patcher 2, que aumenta consideravelmente a segurança dos aparelhos hackeados, cobrindo falhas de segurança apresentados no sistema da Maçã.

Com a fácil instalação do JailbreakMe 3.0, você pode testar o desbloqueio do sistema sem medo, mas certifique-se de fazer um backup completo de seu aparelho pelo iTunes antes de qualquer modificação.